Ir para conteúdo


Foto

Ajuda Impreza 2.0 Aspro


  • Por favor, faça o login para responder
8 respostas neste tópico

#1 Samgc

Samgc
  • Membros ♂
  • Cidade:Araxá

Postado 09 março 2018 - 10:37

Procurei bastante pelo fórum e não achei algumas questões que estou precisando, pois bem, tenho meu 2.0 AT e os 160cv eu já sabia que não me satisfariam, venho de um astra com motor c20xe aspro de 230cv e um vectra gsi turbo de uns 600cv, esse impreza era para ser meu carro de uso civil, porém não estou aguentando muito mais o limitador e a moleza em baixa e retomadas na subida além de ultrapassagens, por conta do AT, então comecei um projeto aspro no bixinho, e preciso de ajuda com algumas questões, vamos as ideias...

 

O que já tenho:

 

Sprintbooster para o acelerador eletrônico. 

Filtro K&N intake.

Coletor Equal 2,5" em inox e todo escape 2,5 em inox direto, colocarei abafadores sem restrição (O uniqual dizem dar perda de potência ou uma segurada).

Conjunto de velas melhores, kit bico e bomba para álcool e sistema de partida a frio para adaptar (se for necessário).

Talvez eu retrabalhe as sedes de válvulas para poder rebaixar o cabeçote e ganhar taxa visto q esses cabeçotes aceitam pouca margem para rebaixamento.

 

O que pretendo (Duvidas)

 

Quero trocar os comandos de escape e admissão, porém não achei eles com graduação maior para meu motor, os dos wrx ou sti servem? Alguém saberia a graduação deles?

E farei o remap depois de tudo feito, a injeção original aguenta e aceita tudo isso? Tenho uma MS2 racing guardada mas não quero chegar a tanto nesse carro.

O cambio Automático do Impreza 2.0 ano 2010 aceita remap para melhorias como ficar mais esperto?

 

Pretendo alcançar no minimo 200cv de motor  se alguém puder ajudar com algo que me faça alcançar ou até ultrapassar esses 200cv ficaria muito feliz hehehe, lembrando que turbinar está fora de questão.

 

Sou novo nesse negócio de fórum, se tiver postado errado, peço que me avisem.

 


  • MRocha curtiu isso

#2 MRocha

MRocha
  • Subaristas ♂
  • Cidade:Atibaia
  • Carro:GC8 GL 1997 2.0

Postado 09 março 2018 - 13:53

Seja bem vindo

Bom eu sou um grande adepto da preparação aspirada, e em algumas coisas eu acho que posso te ajudar 

 

- Sprintbooster OK - Vc vai sentir uma boa melhora na resposta já

- Filtro - O motor é uma bomba de ar, então quanto mais ar entrar melhor

- Coletor - Na mesma linha de cima, precisa sair, mas aqui fica uma observação. Como vc reclamou da resposta do carro em saída e ultrapassagens, eu não colocaria um escape de 2,5", mas sim faria de 2 e 1/4 com os abafadores, para não ter um carro "xoxo" em baixa. No coletor se possível faça em inox ou revista com manta térmica ou banho cerâmico. Realmente o Unequal dá uma perda, não tão grande, mas dá. Só que o ronco é vale a pena

- Um jogo de velas iridium ajuda sim

- Bobina eu particularmente uso uma MSD (mas meu motor é um sohc). Você tem 1 bobina por cilindro, o que poderia ser melhorado trocando por outro modelo mais potente (como as chamadas bobinas de R8)
- Os cabeçotes realmente não tem muito como rebaixar, para aumentar a taxa eu sugiro trocar os pistões (mas ai a brincadeira começa a ficar cara). Eu não mexeria na sede de válvulas, a menos que vc tenha alguém de confiança (retífica)
- A injeção aceita um remap sim

- Andar no álcool é uma boa pedida

- Quanto aos comandos, tenho o mesmo problema. Não acho especificações. Aqui se alguém puder auxiliar.....

 

 

Algumas coisas que considero você colocar na lista:

 

- Polias do motor aliviadas (não é que ganham cavalos, mas ajudam o motor a trabalhar sem "perder")

- Tem alguns detalhes que lá foram são comuns, como espaçadores no corpo de borboleta e entre o coletor de admissão e o cabeçote. Segundo o que eu li, isso diminui a temperatura no coletor de admissão, resultando em mais ar ali dentro.

- No cabeçote eu daria uma atenção aos dutos, tirando os "pelinhos" que ali existem. Outra coisa seria equalizar o tamanho da entrada/saída do cabeçote com o tamanho do duto de adm/esc. deixando tudo na mesmo exato tamanho evitando pontos de calor e de turbulência.

 

Bom espero ter ajudado, pois muita coisa que escrevi é o que estou aplicando no meu.
Não sei se com isso chegaria aos 200cv que vc almeja, mas acredito que sem abrir o motor, vc consegue chegar perto disso

 

Abs



#3 leowaack

leowaack
  • Subaristas ♂
  • Cidade:São Paulo
  • Carro:WRX 03 / GC8 97

Postado 09 março 2018 - 17:22

Muitas coisas que o Marcio disse sou da mesma opiniao.
 
Sou fã de etanol e o motor de subaru responde bem. Bicos de wrx 06+ servem e tem vazão. Os famosos azul "top Feed". Bombas vc tem uma vasta gama de escolhas.
 
Agora vou corrigir alguns pontos, que tenho por experiencia.
 
- Bobina tem as da OSAKA, custa US$200 cada nos EUA. Unico upgrade que existe para as bobinas de subaru.
 
- Cabeçote nao da para rebaixar por causa dos comandos. Vc tira o sincronizo deles. Tanto que quando se faz passe no cabeçote na retifica se aumenta a junta para compensar. Assim teria que fazer pistoes taxados por encomenda, ja que que so exite destaxado para turbo.
 
- Comandos existe os dos EJ207 com "single" AVCS que servem. Tem ate graduação alta. A KELFORD faz por encomenda como vc quiser. Custa por volta de US$1000 o jogo e sao feitos na Nova Zelandia.
 
- Polia do vira nao e recomendavel. Ela serve como amortecedor para virações do vira. Para colocar teria que fazer um balanciamento muito preciso do vira com ela. Mesma coisa é valida para o volante do motor.
 
- Coletor de admisão ja é nao precisa mexer. Diferente dos turbos e os aspirados antigos ele é longo e tem um maravilhoso fluxo. Tanto que é o mais desejado para quem faz preparação pesada nos turbos com intercooler frontal.
 
- Nao mexe no fluxo do cabecote. Ele ja tem muito fluxo. Ele é basicamente o cabecote dos sti JDM 2002 a 2005. Dutos grandes.
 
Minha experiencia com esse motor tive otimos resultados com coletor de escape e escape de 2,5 livre. Porem igual o Marcio disse o de 2,5 faz ele perder um pouco de força em baixa e ganha em alta. Filtro um K&N inbox e um duto bem dimencionado da caixa original ate o corpo de borboleta ajuda.
 
Marcio existe comandos Bravos para o SOHC. Vc tem os do 2.2 original se nao tem um lugar que faz emcima dos teus nos EUA. 
 
 
Entao em resumo SAMGC, o custo de um projeto aspro é quase o dobro de um kit turbo basico. sendo que vai ter menos potencia. Por isso que quase nao existe preparação aspro em subaru. Tem um 2.0 AT igual o teu que foi esta turbo e ja rodou 100mil km assim. Tem topico sobre turbinas os "mancos" aqui no forum para te guiar no projeto.

  • Danilo Faria e Greg curtiram isso

#4 Greg

Greg
  • Membros ♂
  • Cidade:São Paulo
  • Carro:Lancer Evolution

Postado 09 março 2018 - 19:37

 

Muitas coisas que o Marcio disse sou da mesma opiniao.
 
Sou fã de etanol e o motor de subaru responde bem. Bicos de wrx 06+ servem e tem vazão. Os famosos azul "top Feed". Bombas vc tem uma vasta gama de escolhas.
 
Agora vou corrigir alguns pontos, que tenho por experiencia.
 
- Bobina tem as da OSAKA, custa US$200 cada nos EUA. Unico upgrade que existe para as bobinas de subaru.
 
- Cabeçote nao da para rebaixar por causa dos comandos. Vc tira o sincronizo deles. Tanto que quando se faz passe no cabeçote na retifica se aumenta a junta para compensar. Assim teria que fazer pistoes taxados por encomenda, ja que que so exite destaxado para turbo.
 
- Comandos existe os dos EJ207 com "single" AVCS que servem. Tem ate graduação alta. A KELFORD faz por encomenda como vc quiser. Custa por volta de US$1000 o jogo e sao feitos na Nova Zelandia.
 
- Polia do vira nao e recomendavel. Ela serve como amortecedor para virações do vira. Para colocar teria que fazer um balanciamento muito preciso do vira com ela. Mesma coisa é valida para o volante do motor.
 
- Coletor de admisão ja é nao precisa mexer. Diferente dos turbos e os aspirados antigos ele é longo e tem um maravilhoso fluxo. Tanto que é o mais desejado para quem faz preparação pesada nos turbos com intercooler frontal.
 
- Nao mexe no fluxo do cabecote. Ele ja tem muito fluxo. Ele é basicamente o cabecote dos sti JDM 2002 a 2005. Dutos grandes.
 
Minha experiencia com esse motor tive otimos resultados com coletor de escape e escape de 2,5 livre. Porem igual o Marcio disse o de 2,5 faz ele perder um pouco de força em baixa e ganha em alta. Filtro um K&N inbox e um duto bem dimencionado da caixa original ate o corpo de borboleta ajuda.
 
Marcio existe comandos Bravos para o SOHC. Vc tem os do 2.2 original se nao tem um lugar que faz emcima dos teus nos EUA. 
 
 
Entao em resumo SAMGC, o custo de um projeto aspro é quase o dobro de um kit turbo basico. sendo que vai ter menos potencia. Por isso que quase nao existe preparação aspro em subaru. Tem um 2.0 AT igual o teu que foi esta turbo e ja rodou 100mil km assim. Tem topico sobre turbinas os "mancos" aqui no forum para te guiar no projeto.

 

CARACA!!! Leo dando uma aula como sempre!


  • leowaack curtiu isso

#5 fabiano

fabiano
  • Moderadores
  • Cidade:SBS-SC
  • Carro:ImprezaXV

Postado 10 março 2018 - 11:40

Cara, compartilho da mesma opinião sua, principalmente ref. fraqueza abaixo de 4000 rpm.

Já estudei muito todas as opções possíveis.

 

Vc já somou quanto gastaria na sua lista acima? Seria uma boa grana! Eu acho que não vale a pena. São itens que sem um bom acerto e tempo em cima vc não tira muito resultado. 

E como a injeção é ´imexível´ fica impossível tirar um bom rendimento de tudo. A menos que vc mecha na eletrônica (piggyback por exemplo) mas ai é mais grana ainda pra um negócio que vai te render muito pouco.

 

Nas minhas contas o que mais valeria a pena (exceto um turbo, que daria um bom rendimento, mas é um caminho que não pretendo seguir), é:

 

-substituir o shortblock por um de 2.5 (de Legacy antigo por exemplo, que tem os pistões com taxa mais alta, próprias pra motor aspirado)

-trocar os bicos, passando o combustível pra álcool puro ou misturas álcool-gasolina

Com essa troca de bloco a taxa de compressão vai ficar entre 12 e 13:1, adequadas pra dar um bom rendimento ao novo combustível.

 

No caso de utilizar as misturas eu escolheria uma das duas seguintes, que é fácil de abastecer:

- E40 que seria 20/5 no posto, ou E63 que seria meio a meio no posto

 

Resultado em minhas contas

potência (estimativa conservadora) 180-200hp

torque: 22-24 mkgf

Com R$ 6-8 mil faz tudo isso

(pra mim, que tenho acesso à mecânica com baixo custo)

 

Não mexeria em mais nada, nem trabalho de cabeçote, que daria sim mais uns bons 10%, mas o meu objetivo aqui é custo-benefício. O fluxo deste cabeçote com AVCS já é bom, como falaram acima. 

Vamos conversando...


  • MRocha curtiu isso

#6 Cesar

Cesar
  • Subaristas ♂
  • Cidade:São Paulo
  • Carro:Forester

Postado 10 março 2018 - 13:06

Pode fazer as contas que você quiser. Aspro e cambio 4eat não vai passar disso ai nunca.

 

O melhor caminho, mais barato e com menor trauma é entrar com uma turbina do tamanho de uma td-04, trocador de calor para o câmbio, uma injeção programável e uns bicos de wrx top feed azuis.

 

Vai ficar algo parecido com uma Forester XT.

 

Se quiser seguir com projetos baratos, go ahead. Tem vários relatos aqui de gente que já derreteu pistão e perdeu tudo por querer economizar.

 

 

Pode por na conta ai, por menos de 10k você não faz nada que renda pelo menos 200cv nesse conjunto.

 

Central Hitachi dos 2.0 aspro não é reprogramavel via OBD2. Tem que abrir e colocar em bancada com risco de brikar e perder a central.


Editado por Cesar, 10 março 2018 - 13:10.


#7 MRocha

MRocha
  • Subaristas ♂
  • Cidade:Atibaia
  • Carro:GC8 GL 1997 2.0

Postado 12 março 2018 - 08:57


 
Marcio existe comandos Bravos para o SOHC. Vc tem os do 2.2 original se nao tem um lugar que faz emcima dos teus nos EUA. 
 
 
Valeu Leo,
Aproveitando, fiquei curioso pra saber mais sobre os comando do SOHC
Os do 2.2 são melhores que do 2.0 ? (na minha teoria seriam, pq o 2.2 tem válvulas menores para alimentar um volume de cilindro maior então teria que "compensar" com um comando de abertura maior, mas a duração?Não consegui nenhuma medida técnica dele)

Abs

Cara, compartilho da mesma opinião sua, principalmente ref. fraqueza abaixo de 4000 rpm.

Já estudei muito todas as opções possíveis.

 

Vc já somou quanto gastaria na sua lista acima? Seria uma boa grana! Eu acho que não vale a pena. São itens que sem um bom acerto e tempo em cima vc não tira muito resultado. 

E como a injeção é ´imexível´ fica impossível tirar um bom rendimento de tudo. A menos que vc mecha na eletrônica (piggyback por exemplo) mas ai é mais grana ainda pra um negócio que vai te render muito pouco.

 

Nas minhas contas o que mais valeria a pena (exceto um turbo, que daria um bom rendimento, mas é um caminho que não pretendo seguir), é:

 

-substituir o shortblock por um de 2.5 (de Legacy antigo por exemplo, que tem os pistões com taxa mais alta, próprias pra motor aspirado)

-trocar os bicos, passando o combustível pra álcool puro ou misturas álcool-gasolina

Com essa troca de bloco a taxa de compressão vai ficar entre 12 e 13:1, adequadas pra dar um bom rendimento ao novo combustível.

 

No caso de utilizar as misturas eu escolheria uma das duas seguintes, que é fácil de abastecer:

- E40 que seria 20/5 no posto, ou E63 que seria meio a meio no posto

 

Resultado em minhas contas

potência (estimativa conservadora) 180-200hp

torque: 22-24 mkgf

Com R$ 6-8 mil faz tudo isso

(pra mim, que tenho acesso à mecânica com baixo custo)

 

Não mexeria em mais nada, nem trabalho de cabeçote, que daria sim mais uns bons 10%, mas o meu objetivo aqui é custo-benefício. O fluxo deste cabeçote com AVCS já é bom, como falaram acima. 

Vamos conversando...

Fabiano, quando vc diz sobre o motor da Legacy 2.5, vc se refere ao DOHC ? ou SOHC?
Qual seria o custo de um motor desse (eu pensando em maldade .....)



#8 fabiano

fabiano
  • Moderadores
  • Cidade:SBS-SC
  • Carro:ImprezaXV

Postado 12 março 2018 - 09:29

 

 
Marcio existe comandos Bravos para o SOHC. Vc tem os do 2.2 original se nao tem um lugar que faz emcima dos teus nos EUA. 
 
 
Valeu Leo,
Aproveitando, fiquei curioso pra saber mais sobre os comando do SOHC
Os do 2.2 são melhores que do 2.0 ? (na minha teoria seriam, pq o 2.2 tem válvulas menores para alimentar um volume de cilindro maior então teria que "compensar" com um comando de abertura maior, mas a duração?Não consegui nenhuma medida técnica dele)

Abs

Fabiano, quando vc diz sobre o motor da Legacy 2.5, vc se refere ao DOHC ? ou SOHC?
Qual seria o custo de um motor desse (eu pensando em maldade .....)

 

 

Como vc só vai usar o bloco na verdade tanto faz, pois são iguais. Eu pegaria o mais novo disponível (que teoricamente tem o menor desgaste)

Já vi o motor completo por R$ 3k, e só o bloco (sem nota, sem pistões, nem virabrequim nem mais nada dentro) por R$ 600


  • leowaack curtiu isso

#9 Samgc

Samgc
  • Membros ♂
  • Cidade:Araxá

Postado 19 março 2018 - 21:50

Galera, valeu as dicas, opiniões e conselhos ae, eu por hora desisti de fazer o bixinho aspro, lendo tudo fui procurar os comandos e outras peças para fazer aspiradão mesmo mas estão muito caras e só fora do Brasil, com imposto que é quase ctz de cair fica inviável fora a demora pra chegar, estou a 4 meses esperando um pacotinho com 4 Tzinhos daqueles q vão no limpador de farol, entre a tampa e o motor do esguicho, da Russia onde comprei pro Brasil levou 8 dias, em curitiba 4 meses já e sem previsão, então tenho medo de iniciar esse projeto e ficar barrado nas importações, e turbo era a melhor opção mas turbo já tenho um carrinho de arrancada e que me da mto trabalho, e não queria colocar injeção suplementar, eu até tenho uma excelente aqui pra poder usar, mas queria o carro o mais original possível. Então decidi que vou guardando essa grana pra um wrx, se nesse meio tempo as coisas melhorarem aqui pros lados do brasil em relação a preços e serviço de entregas, talves eu retome o projeto, enquanto isso vou instalar o escapamento o filtro k&n e o sprintbooster no acelerador e ver até quando aguento hehehehe

Mais uma vez obrigado a todos pelas dicas conselhos e opiniões.


  • leowaack e Jmariarod curtiram isso




0 usuário(s) está(ão) lendo este tópico

0 membros, 0 visitantes, 0 membros anônimos